Influências

Malba Tahan

É o 171 mais estratégico, o matemático mais ardiloso, disparadamente o mais criativo idealizador de cálculos e manipulador dos resultados. Maestria de lições. Bom, me intrigou tanto que é o que me vem á mente! O fascínio a Malba Tahan é alimentado nas mentes infantes (ao menos foi, no meu tempo de infância) SEM QUE DELE SOUBÉSSEMOS SEQUER A EXISTÊNCIA…através dos Contos das 1001 Noites.
As viagens de Simbá o Marujo, O Gênio da Lâmpada, Ali Babá e os 40 Ladrões, (Anos dourados da Sessão da Tarde…)
Cheherazade também só nos veio com o tempo, e a necessidade de entreter o Sultão (Califa?).
Lamentável que tenhamos por hábito ignorar, esquecermos as contribuições de outros povos, mesmo que com idioma, credo, cor e costumes diferentes à nossa própria formação moral!
O Mundo árabe contribuiu, E MUITO, para a formação de quantas tantas personalidades do Ocidente e, no repente, tudo que temos a ofertar, e a receber, são dedos apontados restringidos à percepção tão somente das contradições, das malfadadas implicâncias (queee diferenças o quê? IMPLICÂNCIAS) das quais o homem, enquanto delas não se isentar uns para com os outros, de contos tão extraordinários, passará a redigir sobre catástrofes (11/09/2001) até que não reste escribas ou leitores.


Segmento: Personalidade
Data: 23 junho, 2019