A Cabana

Inobstante evitar romances ou mesmo comédias românticas, dramas eram retirados das vistas, E POR NADA NESTE MUNDO VIRIA A ASSISTIR “A CABANA”. Tão elogiado o livro quanto o filme, tendo por enredo O Criador de papo com um reles e insignificante personagem azedava os ânimos, numa sensação entediada.
“Eu” doava, não era mesquinha, procurava ser amiga tão leal, que ao final de um impasse entre outros amigos ou casais, minha boa intenção se voltava como pecado a mim. “Eu” perdoei quem me tirou o tio, quem me abateu através do homicídio de quem me era caro, “Eu” suportava a solidão da orfandade, “Eu” reconhecia que não conseguia perdoar um golpe financeiro, tampouco a pais ausentes “de quem quer que fosse, fosse esse pai quem viesse a ser”. “Eu” tinha um prontuário, preenchido à tinta em resoluto, sobre causa e efeito, sobre bem e mal, idas e vindas das almas para a evolução; aparentemente “Eu”, tão chegada à Santíssima Trindade só detinha uma queixa: “a ausência de abraços.” Afora isso… Um verdadeiro pudim inquebrantável. Não precisava assistir a um melodrama que me unisse ao Criador. Portanto, melhor me era erguer um sedimentado muro, e, embora o coração cogitasse ter assimilado o amor fraterno, o perdão a terceiros, dentro dos muros, não permaneci sozinha. Havia dor retida e silenciada, havia choro, lagos de choros contidos, a ausência de amor próprio haja vista a incapacidade do perdão a mim mesma. Virginianos não falham. Embora a pior falta seja essa certeza, que os venda para a resiliência frente os desafios da vida.
Depois de Nasce Uma Estrela, enquanto adicionava um aplicativo televisivo, olha ELA LÁ: A CABANA!
Inexiste qualquer elo entre o enredo do personagem e eu, entretanto, (virginianos são críticos: Sara-yu e a Sabedoria são um só, da Trindade, O ESPÍRITO SANTO), mas quem se importa? Papai foi tão “Papai” que me irritou. Ok, as perguntas tiveram parte significante no decorrer do inusitado conto, e daí? Não foi o Mack quem “não entendeu” quando peitando A Deus, reage em afirmativa: “Seu filho? e o que deixou que fizessem com Ele! Você tem uma maneira esquisita de demonstrar quando ama alguém! Ele, Ele mesmo grita: Pai, por quê me abandonaste?” Deus Pai, TODO PODEROSO, erguendo um dos pulsos, mostrando assim que esteve com Cristo todo o tempo, não foi anestésico. A ausência física, o isolamento, o abandono é agressivo; e somos capazes de suportar, tal qual Atlas, o mundo nas costas, se erguendo os olhos percebemos um único sinal de reconhecimento ou amparo frente ao que viesse a ocorrer. Ausência física e silêncio pouco ajudam quando o desespero assola.Seguimos conforme os propósitos divinos! Fosse fácil, o Céu teria entrada franca! Jesus, O Marceneiro, empenhado “na obra da serraria…” Nessa hora, não foi o personagem do Titânico quem entregou o corpinho da criança,” me descobri entregando aqueles por quem eu chorava cena a cena, copiosamente.E não foram por tantos assim, e me senti mal por isso. Embora ferrenhamente obstinada a não deixar o passado para trás, conforme determinação do Altíssimo, lá estava eu, na Cabana!
À partir de certa data, houve em mim um renascimento. Não escondo.
Hoje, 1º de Junho de 2019, novamente me permiti emotividade, passeando por uma realmente merecida em apreciação, “bela trama” de conflitos familiares, desencontros, tragédias acovardadas e questionamentos intimistas entre o humano e o divino.
Na Cabana, hoje, D’us parecia sussurrar: “A próxima visitação será a sua!”
Parabéns desde o escritor, à edição, redação, elenco e cenário. Delicado, em nada apelativo, concedendo espaço para a sensibilidade aflorar em cada um à sua maneira! – Flávia Neves

 SEGMENTO: FILME
 DATA: 2017
[

Descrição do Monumento Druídico de Allan Kardec

O CONTADOR DE HISTÓRIA

HATSHEPSUT – DE TEBAS PARA AS ESTRELAS

Frases de Shakespeare

A DESENCARNAÇÃO DE ALLAN KARDEC

7 livros de Anne Rice

A Saga dos Reis Malditos

Ordem do Graal

Obras de Chico Xavier

Sabá - O Pais das Mil Fragrâncias

O Livro dos Senhores do Mundo

O Código DaVinci

A Saga dos Capelinos

Criação de Gore Vidal

Pollyana e Pollyanna Moça

Paulo e Estevão de Chico Xavier por Emmanuel

A Vida Intelectual

O DIÁRIO DE MARIA MADALENA

Eu PIlatos

O Último Guardião

The Crown

The Tudors

Vikings

The Last Kingdom

GOT – GAME OF THRONES

O Amor Acontece

A Cabana

O Soldado de Cristo

JESUS

Nasce uma Estrela

MUITO BARULHO POR NADA

Filme sobre Kardec

Documentário: A vida de Alexandre, o Grande

Os Mistérios da Bíblia Hebraica

Ramsés - Entre o Divino e o Terreno

A Verdadeira Face de Jesus

O Mundo em que viveu Allan Kardec

Banidos da Bíblia - Os segredos dos Apóstolos

El Discipulo

Quo Vadis 1951

História dos Anjos Caídos

Judas e Jesus

Los Anunnaki

A Noite Sonhamos

Condessa de Sangue

Gonzaga de Pai para Filho

Hino da Maçonaria